Nômade Flix

Como pensar fora da caixa

Henrique Szklo explica, emoji por emoji, como é que nosso cérebro funciona para desenvolver novas ideias e fugir do senso comum

Seu pensamento só conhece um lugar no mundo: seu cérebro. Para ele, o cérebro é tudo: o início e o fim. O intransponível limite do universo.

Porém, ele ouve em todos os lugares que para ser criativo é preciso estar fora da caixa. Como assim? Ele nem sabia que existia uma caixa. E que estava dentro dela. Nunca imaginou que existia alguma coisa do lado de fora do universo. É muita coisa para seu pensamento digerir. Ele fica perdido, confuso, se sentindo um idiota.

A boa notícia é que ele não precisa se culpar. Pensar fora da caixa não é mesmo um comportamento natural. Nosso cérebro funciona a maior parte do tempo no modo automático. E, no automático, ninguém pensa fora da caixa.

Agora a má notícia: você precisa fazer força para pensar fora da caixa. Não consegue escapar dos clichês só por que achou que era uma boa ideia. O pensamento só cria ou muda seus padrões mentais com repetição e esforço.

Toda esta dificuldade é provocada por um filtro social que controla o nosso pensamento. Vamos chama-lo de Pedrão. O Pedrão é responsável por não permitir que seu pensamento funcione livremente com medo de que você tenha ideias estapafúrdias, como, por exemplo, sair da caixa.

O Pedrão vai fazer de tudo para manter seu pensamento na caixa que ele construiu com tanta dedicação e carinho. O Pedrão não tolera ingratidão. Ao mínimo sinal de fuga, inicia uma blitz contra o pensamento rebelde. Usa a violência, humilha, apela para os mais baixos sentimentos humanos e ofende seu pensamento com uma brutalidade e truculência impar. Faz seu pensamento achar que está cometendo um pecado. E dos graves. Então é batata: na maioria das vezes ele se sente um idiota e acaba concordando com o Pedrão que o melhor da vida é o senso comum.

Mas mais uma vez, a culpa não é dele. Ele aprendeu a ouvir o Pedrão. Desde pequeno é o Pedrão que o aconselha em todas as suas decisões. O Pedrão é como um pai para o seu pensamento. É normal que, confrontado , o pensamento vacile, fique inseguro, fraqueje, e acabe sucumbindo aos desejos do Pedrão, voltando para sua vidinha medíocre e confortável dentro da caixa. Vamos ser francos: o pensamento, em geral, é mesmo um idiota.

Em resumo, você não pensa fora da caixa por que quer. Tem que lutar para impor sua vontade. E pode ter certeza de que o Pedrão vai vender muito caro a derrota. Por isso, para vencer esta batalha, seu pensamento precisa se fortalecer, criar músculos, desenvolver estratégias, aprender a usar armas. Porque para escapar da prisão e quebrar os padrões, ele vai enfrentar muitas provações, perigos e obstáculos. É preciso força, insistência e foco. É preciso conhecer uma profusão de técnicas, na teoria e na prática. E é preciso treinamento constante.

A trilha Life of Riley de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons
Attribution(https://creativecommons.org/licenses/…)
Origem: http://incompetech.com/music/royalty-…
Artista: http://incompetech.com/

Mostre Mais

Henrique Szklo

Nascido em Belo Horizonte (MG) e graduado em Publicidade e Propaganda pela FAAP, Henrique exerceu durante 18 anos a profissão de publicitário na área de criação, como redator e Diretor de Criação. Hoje é estudioso da criatividade e do comportamento humano, escritor, professor, designer gráfico e palpiteiro digital. Desenvolveu sua própria teoria - NeuroCriatividade Subversiva - e seu próprio método - Gestão do Pensamento. É professor no MBI da UFSCar, escreve no site Proxxima (M&M), é coordenador do curso de criatividade da Escola Panamericana de Arte e Sócio da Escola Nômade para Mentes Criativas. Tem 8 livros publicados (humor e criatividade) e é palestrante de sucesso com passagens pelas principais capitais do país. É palmeirense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja Também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios