Criativerso

“O prepotente e o humilde”, com Henrique Szklo

UTOPIA CRIATIVA, o desejo de fazer um grande trabalho somado ao esforço necessário para gerar uma grande ideia

Mais um CRIATIVERSO com Henrique Szklo, desta vez falando sobre a UTOPIA CRIATIVA, o desejo de fazer um grande trabalho somado ao esforço necessário para gerar uma grande ideia.

Criar exige disciplina, atenção e coragem
São muitas nuances e mudanças de abordagem
Então, anote aí o segredo do sucesso
Pra ser um criativo excelente
No objetivo seja prepotente
Mas ao contrario, seja humilde no processo

Nosso inconsciente é radical
Não suporta um pensamento original
Na busca por novas ideias, acredite
Ele faz você sentir um grande medo
Você acaba desistindo muito cedo
Porque acha que chegou ao seu limite

Limite em criação só causa dano
Nossa cabeça tem que viajar até Urano
Mas se você ficar olhando só pra perto
O inconsciente vai fechar essa janela
E a sua imaginação vai fechar junto com ela
E sua mente vai ficar feito um deserto

Pra se livrar desse artifício tão medonho
É preciso construir um lindo sonho
E acreditar de forma plena e assertiva
Que vai ser verdade esse bilhete
Que a sua ideia vai ser boa pra cacete
Correndo atrás da utopia criativa

Por outro lado, você pode ser um gênio
O grande criativo do milênio
Mas se não suar seu sangue no lavoro
E achar que de Midas tem o toque
Da realidade vai levar um belo choque
As ideias não aceitam desaforo

Trilha de fundo : “A Baroque Letter”, de Aaron Kenny

close

66 Frases Inspiradoras sobre Criatividade e Inovação, de Henrique Szklo

Política de privacidade

Mostre Mais

Lena Feil

Gaúcha de nascimento e cidadã do mundo por opção, é formada em Desenho Industrial e Psicologia, é feminista e pensadora em período integral. Usa o cérebro para entender o cérebro. Estudiosa do comportamento e da criatividade, entusiasta da vida, viciada em novidades, em filosofia, no ser humano e em coisa mundanas também. É absolutamente fascinada por crianças, adora café, ama viajar, é geralmente divertida, e – às vezes – esnobe. Hoje, atua com Coolhunter da Escola Nômade para Mentes Criativas, sempre em busca do que existe de mais subversivo, inteligente e relevante em todas as partes do mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo