Criativerso

“A criatividade e a demência”, com Henrique Szklo

Desta vez usando o Google Earth como metáfora para explicar a emoção que sentimos ao nos defrontar com uma ideia criativa para nós

Mais um CRIATIVERSO com Henrique Szklo, desta vez usando o Google Earth como metáfora para explicar a emoção que sentimos ao nos defrontar com uma ideia criativa para nós.

Sabe o Google Earth? Aquele site animal?
A cidade lá de cima, em plano geral?
É uma metáfora da criatividade
Na primeira vez que você usou
Que endereço você procurou?
A sua casa, não é verdade?

Ficou emocionado demais
Chamou até os irmãos e os pais
Olha nossa casa, minha gente!
Mas o que você estava vendo
Era um telhado sujo, horrendo
Por que se comportar feito um demente?

Mas não se sinta mal
É uma reação natural
Com uma boa justificativa
É a emoção que a gente sente
Quando fica frente-a-frente
Com uma ideia criativa

Nossa casa conhecemos demais
De trás pra frente e de frente pra trás
Só faltava ver de cima
Então da primeira vez
Que enxergamos com nitidez
Transbordou a dopamina

Às vezes nosso cérebro é um saco
Qualquer novidade ele arma um barraco
A exceção é a saída
Quando a novidade não quebra padrão
Só acrescenta uma informação
Ele sai feliz da vida

Se você prestou atenção
E entendeu a minha explicação
Uma boa coisa descobriu
Que a criatividade só acontece
Quando você olha pro que já conhece
De um jeito que nunca viu

Trilha de fundo : “A Baroque Letter”, de Aaron Kenny

Mostre Mais

Henrique Szklo

Nascido em Belo Horizonte (MG), graduado em Publicidade e Propaganda pela FAAP e pós-graduado em Neuropsicologia pela FAMEESP, exerceu durante 18 anos a profissão de publicitário na área de criação, como redator e Diretor de Criação. Hoje é pesquisador da criatividade e do comportamento humano utilizando uma abordagem neuropsicológica do assunto. Além disso é escritor, professor, designer gráfico, palestrante e palpiteiro digital. É professor do MBI da UFSCar e Sócio da Escola Nômade para Mentes Criativas. Tem 8 livros publicados (humor e criatividade), é palmeirense e não-negacionista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo