Ópera Bufa

Declaração Universal dos Direitos do: Corno


Divertimento, informação e lavagem cerebral. Em 2004 resolvi criar um site de humor chamado Ópera Bufa. Na época não existiam as redes sociais e eu achei que seria só uma maneira de me divertir. Mas a brincadeira ficou séria quando o UOL me convidou para me tornar um de seus sites oficiais de humor. Quatro anos depois, cansado de trabalhar com graça e de graça, encerrei as atividades do site.


Publicado na seção DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS DO (A)…

ATENÇÃO: Àqueles de coração sensível e adeptos ao politicamente correto, sugerimos não seguir adiante já que o texto foi escrito no início dos anos 2000 e naquela época as coisas eram muito diferentes.

1) Todo corno nasce com uma incrível predisposição para acreditar nas pessoas, trabalhar até tarde e viajar bastante;

2) Todo corno tem o direito de confiar cegamente que todos os seus amigos olham para sua mulher como se ela fosse homem;

3) Todo corno tem o direito de instalar em sua casa armários bem grandes e colocar portas com batentes muito mais altos que o normal;

4) Todo corno tem o direito inalienável de tratar os filhos como se fossem seus. Afinal, pai é quem cria;

5) Todo corno tem o direito de coçar a cabeça toda vez que refletir sobre o porquê de sua mulher não reclamar da falta de sexo;

6) Ninguém poderá consolar o corno dizendo que ele irá superar essa situação por ser “forte como um touro”;

7) Todo corno tem o direito de sugerir à sua esposa que vá ao dermatologista cuidar das marcas que vivem aparecendo em seu pescocinho;

8) Todo corno tem o direito de compartilhar sua vida com uma mulher que seja capaz de passar a tarde inteira no shopping e voltar para casa sem uma sacola sequer;

9) Todo corno tem o direito de acreditar que o personal trainer da sua digníssima esposa é apenas seu professor de ginástica;

10) Todo corno tem o direito de voltar mais cedo para casa para poder encontrar com os amigos. Aqueles mesmos que acham que sua mulher é homem.

Originalmente publicado no site ÓPERA BUFA em 2004

Tags
Mostre Mais

Henrique Szklo

Nascido em Belo Horizonte (MG) e graduado em Publicidade e Propaganda pela FAAP, Henrique exerceu durante 18 anos a profissão de publicitário na área de criação, como redator e Diretor de Criação. Hoje é estudioso da criatividade e do comportamento humano, escritor, professor, designer gráfico e palpiteiro digital. Desenvolveu sua própria teoria - NeuroCriatividade Subversiva - e seu próprio método - Gestão do Pensamento. É professor no MBI da UFSCar, escreve no site Proxxima (M&M), é coordenador do curso de criatividade da Escola Panamericana de Arte e Sócio da Escola Nômade para Mentes Criativas. Tem 8 livros publicados (humor e criatividade) e é palestrante de sucesso com passagens pelas principais capitais do país. É palmeirense.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Fechar
Fechar

Bloqueador de Anúncios Detectado

Considere dar uma força pra gente desabilitando seu bloqueador de anúncios